quinta-feira, 21 de agosto de 2008

QUAIS SÃO SEUS PLANOS?


Todos temos um, dois, três... Dez planos!

O plano é o desejo com organograma, planejamento físico-financeiro e "dead-line".

Quando a gente tem a ousadia de pegar um sonho e tranformá-lo num desejo, estamos dando um passo importante. Mas quando pegamos este desejo e o transformamos numa meta, isto é um plano.

Ninguém tem planos ruins, pois ninguém tem para si sonhos ruins.
Nossos desejos são sempre bons segundo o nosso juízo de valores. Os melhores deles, ou mais importantes, transformamos em planos: Metas a serem perseguidas.

Casa nova, carro novo, mais um filho, mestrado, doutorado, aquela viagem... Sonhar, alguém já disse, é de graça, mas ousar em planejar, custa mais caro. Custa coragem, sacrifício, esforço.

A Bíblia nos ensina que "o coração do homem faz planos, mas a resosta certa vem da boca de Deus". Assim como faz parte da natureza do homem traçar planos de vida, também faz parte da natureza de Deus dirigir a humanidade, em especial ajudando as pessoas que o chamam de Senhor. Uau!

Quando chamamos Deus de "Senhor", estamos dizendo que Ele é soberano em nossas vidas, ou seja, Ele passa a ser nosso pai, chefe, dono, manda-chuva, o bom-geral! Aquele a quem devemos obediência. OOps! Veja o que Salomão nos ensina em Provérbios, capítulo 16, verso nove: "O coração do homem propõe o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos".

Quando os planos de Deus para as nossas vidas sobrepujam os nossos, pode causar revolta, dúvidas, medo, insegurança. Mas o que você acha? Será que o Chefão sabe das coisas bem mais do que nós?

Lembro-me de alguns planos meus que foram frustrados. Hoje, passados muitos anos, posso ver que os propósitos de Deus eram maiores, melhores e mais nobres que os meus - mas eu era limitado ao tempo, ao espaço e à cultura para compreender isto...
Alguns acontecimentos muito ruins na minha vida, ironicamente abriram portas muito boas que me deram oportunidades inimagináveis. Para quem já tive a oportunidade de compartilhar sobre a morte prematura da minha mãe, sabe que hoje reconheço que, apesar de extremamente frustrante e indesejado, este incidente da vida permitiu-me sair de um ambiente social e economicamente hostil, abrindo portas para o crescimento e um futuro de mais oportunidades.

Devemos sempre caminhar, sonhando e fazendo planos, sabendo que muitos deles se realizarão, mas sabendo também que os planos que Deus tem para nós jamais se frustrará.

Para que não nos frustremos devemos sempre:
1 - Primeiro buscar e tentar enteder os propósitos de Deus para as nossas vidas e aceitá-los;
2 - Fazer planos conforme a vontade de Deus (sempre pedir a Ele orientação para planejarmos);
3 - Saber que nosso crescimento como indivíduos se dá pelas experiências (que boas ou ruins, sempre nos permite crescer)

E aí, qual o seu plano pra hoje?

(Qual o seu plano para daqui a dez anos e o que você tem feito para atingí-lo?)
Veja um comercial antigo da BMW, engraçado, que mostra como alguns planos podem ser facilmente frustrados:

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opa! Que legal que você quer dar a sua opinião! Ela é muito bem-vinda.